A Carta


Há algum tempo atrás, acordei naqueles dias que o despertador deveria quebrar e o telefone não tocar.

O ônibus atrasou e estava lotado.

No trabalho, só encrenca.

Conta do banco zerada.

À tarde ligo para minha filha e desconto toda minha imensa ira nela porque não tinha arrumado a cozinha.

Chego em casa fazendo cara de má, que é para ninguém chegar perto.

Daí, me deparo com a carta a seguir.

 

“Sem saber bem por onde começar vim aqui, tentar explicar um pouquinho do que você é pra mim.

Sabe aquela pessoa que quando você não sabe pra onde ir, ela te mostra o caminho? Sabe aquela pessoa que quando você vai pro caminho errado, ela te mostra o caminho certo? Aquela que quando você pensa que não tem mais jeito, não tem mais saída, ela te mostra que tem? Sabe aquela que quando você cai, ela te levanta? Aquela pessoa que quando você quer falar, falar, falar, falar e falar da mesma coisa que você já falou mil vezes porque tá chateada ou brava, ela tá lá pra te ouvir? Aquela que quando você precisa de uma mãozinha, ela te dá não só a mãozinha, mas o corpo todo e com todo prazer? Aquela que quando você erra, ela te corrige, às vezes mesmo não querendo, mas se precisar, de um jeito rígido pra que você aprenda? Aquela que quando você precisa chorar te dá o colo e o abraço mais gostoso que existe pra te confortar? Sabe? Bom… Se você não sabe, eu sei. E essa pessoa pra mim é você mãe! Obrigada por existir na minha vida, por ser essa pessoa e mãe maravilhosa que você é.

Sabe mãe… No dia que cheguei de viagem, senti uma coisa tão boa de estar com você de novo. Senti o seu cheiro de mãe na sua mão, e me deu uma sensação muito boa que eu não sei explicar. Você conversava comigo, e eu ficava te olhando e pensando o quanto e como você é importante pra mim.

Se eu pudesse, eu tirava toda dor que existe em você e passava pra mim, só pra não te ver sofrer. Mesmo por que seria menos doloroso.

Você não é só minha mãe, mas sim minha amiga, minha companheira, minha ouvinte, minha protetora, minha cozinheira, minha linda sedutora e por aí vai… Você é tudo pra mim mãe! Tenho um orgulho enorme de dizer à todos que você é a MINHA mãe (:

EU TE AMO, E VOCÊ É NO MÍNIMO (também) MINHA BASE! Sem você não sei o que seria da Gabi, de verdade. Eu amo você J

  

Sem comentários…

Chorei

E fui dormir feliz!

Anúncios

Seja você uma parte desse mosaico. Compartilhe suas impressões, sentimentos e opiniões aqui.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s